Que equipa queremos ser? 2/4

Quem somos …

Responder sobre “Quem somos?” obriga a uma profunda reflexão acerca do motivo da nossa existência – a razão de sermos, sejamos um individuo ou uma entidade colectiva.

Trata-se de um exercício de auto-conhecimento que nos posiciona no mundo e determina a forma como nos relacionamos com os outros. Porquê? Descobrir quem somos ensina-nos a identificar as nossas capacidades, as nossas limitações e as nossas emoções.

É preciso reflectir sobre o que fazemos, a razão porque fazemos e a quem se destina o que fazemos.

Só depois de obtermos a resposta a “quem somos”, o que não é mesmo nada fácil, poderemos decidir informadamente sobre o que queremos e sobre o que não queremos fazer.

A resposta obtida será uma “estrela” orientadora que inspira mudanças sobre o caminho a percorrer e as actividades a desenvolver. Esta tomada de decisão condiciona a nossa estratégia e a definição dos nossos objectivos.

Vejamos o exemplo de um adolescente de 17 anos. É um estudante (o que faz) que pretende seguir medicina para ajudar as pessoas com problemas do coração (porque faz). É estudioso, mais que os seus colegas, para poder ser um dos melhores especialistas do País. Tem muita curiosidade em perceber junto dos doentes cardíacos (a quem se destina) os seus verdadeiros problemas para melhor os poder ajudar no futuro.

Vejamos agora o exemplo de um colaborador de uma empresa pública ou privada que trabalha na melhoria de processos de negócio digital. É um especialista de processos (o que faz) que acredita na inovação e nas novas formas de validação de identificação digital das pessoas (a quem se destina), processo crítico para resolver o problema de deslocação física às empresas (necessária para a formalização da contratação do produto ou da prestação do serviço). Acredita que é possível inovar de forma mais simples e segura que a sua concorrência (porque faz), uma vez que utilizará a íris, a impressão digital ou a voz da pessoa e será recolhida num único momento do processo de compra.

Vejamos agora o exemplo do País (ex. Tesouro / Autoridade Tributária). Desenvolve a sua actividade com recurso às melhores práticas tecnológicas (o que faz). Acredita na agilidade e simplicidade dos canais digitais para ajudar os clientes do Estado, os contribuintes (a quem se destina), a usufruir dos seus serviços em qualquer hora e em qualquer lugar, incentivando o uso do portal das finanças, do mobile e das ligações via skype ou via facebook. Acredita desta forma contribuir para a melhoria generalizada da produtividade (porque faz).

quem-somos

Os casos apresentados são fictícios e pretendem simplesmente exemplificar que só após definirmos quem somos (a nossa missão, o nosso propósito), podemos desenvolver a visão (o que queremos ser), a estratégia e os objectivos que nos propomos alcançar.

anterior

seguinte

2 thoughts on “Que equipa queremos ser? 2/4

  1. […] Previous Post Que equipa queremos ser? 2/4Next Post Que equipa queremos ser? 4/4 Follow DESAFIOS DA GESTÃO ESTRATÉGICA on WordPress.com (function(d){var f = d.getElementsByTagName('SCRIPT')[0], p = d.createElement('SCRIPT');p.type = 'text/javascript';p.async = true;p.src = '//widgets.wp.com/platform.js';f.parentNode.insertBefore(p,f);}(document)); Search for: […]

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s